De acordo com o Statista (2020) em 2022, o número de usuários de email em todo o mundo deve chegar a 4,3 bilhões.

Isso representa uma grande oportunidade para empresas atingirem seu mercado-alvo, melhorar seu alcance e visibilidade. Ou seja. O email marketing ainda é uma das formas mais eficazes de alcançar e envolver o seu público.

Afinal, criar uma estratégia de email marketing forte ajuda uma empresa a alcançar e se conectar com seu público-alvo de forma personalizada e aumentar as vendas a um custo acessível.

Entretanto, para criar emails que realmente gere resultados é preciso seguir uma série de boas práticas de email marketing.

Por isso, para ajudar você, escrevemos este artigo, onde listamos 8 práticas recomendadas de email marketing para otimizar os resultados da sua campanha.

O que é email marketing e como funciona?

O email marketing é uma estratégia de marketing de conteúdo que utiliza o email como ferramenta para enviar mensagens informativas e gerar vendas, para uma lista de pessoas que se inscreveram na sua campanha de email marketing.

O que é email marketing e como funciona?

Ou seja, o email marketing é usado para enviar newsletters com atualizações sobre a empresa ou promoções de vendas e ofertas exclusivas para assinantes.

Assim, o objetivo do email marketing é levar as pessoas ao site da empresa ou comprar alguma coisa, tanto para clientes novos quanto para clientes recorrentes.

Como funciona o email marketing

O primeiro passo para começar uma estratégia de email marketing é construir uma lista de assinantes que desejam receber informações sobre a sua empresa. Você pode fazer isso  através de um formulário de inscrição no seu site. .

Depois de construir uma lista de email,  você pode começar a sua estratégia de marketing, compartilhando informações sobre a sua empresa ou ofertas, como um código de desconto ou novos produtos.


Tipos de email marketing

Existem diferentes tipos de ações que você pode desenvolver no dia a dia da sua empresa, para que a sua estratégia de email marketing seja mais eficiente e direta:

Tipos de email marketing

Confira abaixo as sugestões de estratégias que você pode estar utilizando nas suas campanhas de email marketing:

Newsletter

As newsletters são email enviados periodicamente com o objetivo de entregar conteúdo aos assinantes.

Uma newsletter pode ser uma ferramenta muito útil para manter os seus clientes e contatos informados sobre o que acontece na empresa ou enviar materiais e artigos.

Para que sua estratégia de newsletter gere resultado e engajamento com os seus assinantes, é importante que você defina:

  • Periodicidade: Diariamente, semanalmente, quinzenalmente, mensalmente ou trimestralmente.
  • Constância: No momento que definir a periodicidade, você precisa manter a constância dos envios, pois seu público no momento que estiver engajado estará esperando pela sua news
  • Conteúdo relevante: Você precisa entregar um conteúdo de valor para seus assinantes, ao invés de ser somente promocional ou institucional (falando da sua empresa). Isso fará com que a sua newsletter tenha mais relevância e engajamento com o seu público.

Além disso, uma newsletters pode ser utilizada para a comunicação interna corporativa, como avisos e novidades.

Falando nisso, já se inscreveu na newsletter do Atendare? Todas as terça-feiras, enviamos no seu email os principais conteúdos e notícias sobre marketing, vendas e tecnologia. Inscreva-se agora!

Inscreva-se agora!

Email marketing promocional

O objetivo do email marketing promocional é estimular as vendas e o engajamento.

Você pode usar esse tipo de email marketing para oferecer produtos ou materiais ricos (como um ebook), realizar promoções ou eventos.

Aqui é importante segmentar sua lista de email para oferecer algo que os seus clientes realmente tenham interesse.

Exemplo: Imagine que você é uma ecommerce de calçados e quer realizar o envio de uma promoção de sapatos de couro por email. Provavelmente na sua base de contatos, você terá pessoas com estilos e gostos diferentes. Por isso você precisa segmentar esse envio e ofertar os sapatos de couro  para aqueles contatos que realmente tenham interesse em adquiri-los.

Lembre-se: você deve pensar para quem você envia suas promoções, que tipo de pessoa gostaria do que você está ofertando.

Automação de email marketing

O objetivo da automação de email marketing  é trabalhar no relacionamento, através da automação de marketing, nutrindo os contatos com informações relevantes.

A automação de email leva em consideração uma sequência de mensagens que seguem uma lógica e que guiam o destinatário para o lugar que você deseja.

Alguns exemplos de fluxos de automação com email Marketing que vocês pode utilizar na sua empresa são:

  • Após realizar o cadastro: Boas-vindas para novos contatos, Newsletter, Novo post no blog, Ofertas especiais por email.
  • Clientes que realizaram a primeira compra: Envios de acordo com produtos adquiridos, Produtos que tenham sido adquiridos recentemente, Primeiros passos.
  • Clientes ativos: Emails de pesquisa, Produtos complementares, Obtenha mais informações sobre os seus clientes, Use seu público engajado para ampliar sua marca.
  • Clientes inativos: Solicitação de feedback, emails de retenção.
  • Após o cancelamento: Incentivos para retornar.

Email marketing transacional:

Lembra daquele email de ajuda que você recebeu ao esquecer sua senha da rede social?  Isso é um email marketing transacional, ajudando você no processo de fazer o login.

Veja alguns exemplos de email marketing transacional:

  • Emails de confirmação de compra
  • Avisos de entrega
  • Mudança de senha
  • Avisos de fim de contrato/inscrição
  • Avisos de renovação automática iminente

O email transacional tem uma taxa de abertura altíssima - porque o cliente já está esperando por ele. Talvez seja uma boa ideia usar os seus emails transacionais para promover algo.

Práticas recomendadas de email marketing

Os e-mails de marketing são essenciais para construir relacionamentos com os clientes, estimular leads, educar os clientes e muito mais.

Práticas recomendadas de email marketing

Confira abaixo quais são as práticas recomendadas de email marketing que irão melhorar os resultados da sua empresa.

1. Nunca compre listas de contato

Deixe-me fazer uma pergunta. Você gosta de receber emails não solicitados?

Embora possa parecer ótimo comprar uma lista de email com 10.000 contatos, elas não possuem nenhum valor, pois são listas cheias de dados inúteis composta de pessoas que nunca quiseram estar na lista, em primeiro lugar.

Além disso, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) exige o consentimento de cada destinatário antes de você entrar em contato com eles, e as listas de email compradas não vêm com esse consentimento.

Aliás, você pode ter problemas com o seu provedor de serviços de email e sua conta pode ser encerrada, você pode ser multado e seu provedor de serviços de email pode até mesmo tomar medidas legais contra você.

Por isso, crie suas listas exclusivas, segmentando os contatos de acordo com seus interesses e/ou dados demográficos.

Invista nas pessoas que se interessam pelos seus produtos e serviços, mantendo um bom relacionamento com as mesmas. Caso deseje obter mais contatos, aposte na criação de materiais ricos e disponibilize-os em landing pages.

Pode não ser a maneira mais rápida de construir uma grande lista de email, mas é a maneira mais eficiente de criar uma base de destinatários engajada e que manterá suas taxas de entrega muito mais altas.

2. Segmente sua lista de email

A segmentação de email marketing consiste em dividir sua base de contatos em grupos menores com critérios e interesses específicos.

Assim, é possível enviar mensagens de emails bem direcionadas, em vez de fazer um envio de emails em massa.

Por isso, procure segmentar os envios para um grupo específico, ou relacionado às ações do lead nos últimos emails disparados pela empresa.

Afinal, ao segmentar sua base de contatos, você consegue criar mensagens mais personalizadas e enviar um email marketing mais relevante aos assinantes, baseado na sua localização geográfica, interesses, histórico de compras e muito mais.

Exemplo: Um e-commerce de roupas pode usar a segmentação para criar listas de email específicas para homens e mulheres e, em seguida, vários segmentos baseados em interesses, como calçados, acessórios, vestidos e roupas de banho para criar campanhas de email mais relevantes.

3. Revise sua lista regularmente

Revise sua lista regularmente e procure remover assinantes não engajados. Afinal, manter contatos que nunca abrem seus emails, reduz significativamente sua taxa de abertura.

Por isso, avalie os contatos que não abriram seus emails durante um determinado período de tempo e remova-os. Isso fornece uma taxa de abertura de email mais precisa e mantém sua campanha de email mais eficiente.

Além disso, muitas vezes os emails acabam não sendo entregues gerando o um bounce. Bounce é o erro de entrega ou rejeição que ocorre no envio de emails.

Isso pode acontecer, por exemplo, quando o endereço de email seja inválido, inativo, por exemplo. Assim, realizar uma limpeza é importante para que a base fique mais limpa e apenas emails "reais" recebam as suas campanhas.

4. Definir uma boa frequência de envio

A frequência de email indica quantas vezes por dia, por semana ou por mês você envia emails.

As estatísticas da GetResponse mostram que as marcas que enviam apenas um email por semana têm as maiores taxas de abertura e cliques, em comparação com remetentes de maior frequência.

Porém, não existe uma regra específica quando se trata de definir a frequência de email, pois isso depende totalmente da empresa, do conteúdo, do público.

Com uma alta frequência de envio, por exemplo, os usuários podem acabar  ignorando suas mensagens ou não tendo tempo suficiente para abrir e ler todas elas ou você pode acabar gerando mais oportunidades para os usuários comprarem seus produtos ou, pelo menos, interagirem com sua marca.

Embora tudo dependa da situação da sua empresa, existem algumas práticas recomendadas para a frequência de email marketing que serão úteis para definir a sua frequência de envio ideal:

Permita que os usuários escolham a frequência de email de sua preferência: Você pode criar um formulário e perguntar a eles.

Crie conteúdo relevante e peça feedback constantemente: Use isso para continuar melhorando a qualidade de seus emails.

Teste e veja os resultados: Seu público, seu produto e seus objetivos são únicos e é por isso que você deve continuar testando para melhorar sua frequência de envio.

Coloque isso em prática e defina a frequência certa.

5. Capriche no assunto e no conteúdo do email

Sabe aquele email que você recebe e é impossível não abrir?

Escreva uma linha de assunto que seus destinatários não possam ignorar e um conteúdo que seja relevante para o seu público.

Combine emails informativos e promocionais para tornar o conteúdo interessante, educacional e valioso para o público. Se seus emails forem relevantes, os usuários estarão mais propensos a abrir, ler

Para descobrir o que seus assinantes desejam ver em suas caixas de entrada, siga as estatísticas de aberturas e cliques e peça feedback aos assinantes para saber exatamente do que eles gostam.

Seja pessoal e faça com que os seus assinantes se sintam especiais ao receberem seus emails.

Você também pode utilizar alguns gatilhos mentais para otimizar as mensagens dos seus emails.

No email marketing, os gatilhos mentais têm como objetivo estimular uma ação por parte de quem recebe o email: realizar uma compra, a inscrição em um webinar, o download do ebook, etc.

Dica: Uma boa linha de assunto deve conter entre 30 e 50 caracteres (incluindo espaços). Contas de email e dispositivos móveis geralmente cortam linhas de assunto que vão além desse comprimento.

Erros comuns: Muitas vezes o assunto é algo atrativo, mas está desalinhado com o conteúdo do email - e isso acaba frustrando o assinante.

6. Adicione Call to Actions

É extremamente importante que você indique ao usuário qual o próximo passo que ele deve realizar. Para isso, utilize Calls to Action (CTAs) que sirvam de pontes para as ações.

Adicione Call to Actions

Deixe claro qual a ação que o leitor deve fazer (comprar algo, preencher um formulário, ir para um site, etc), explorando diferentes formas de chamar a atenção como links sublinhados, setas e botões.

Aliás, qualquer CTA deve ser repetido pelo menos três vezes ao longo do email em vários lugares e formatos.

7. Use templates de email responsívos

Além do conteúdo de texto, é importante organizar as informações e tomar alguns cuidados com os elementos visuais presentes no email.

Além disso, um bom design de email chama a atenção dos leitores e os incentiva a continuar lendo assim que abrirem o email.

Desta forma, procure utilizar imagens de qualidade, contudo é preciso atentar para o peso delas, para que não prejudique o carregamento do email. O tamanho ideal de imagens é até 100 kbs por imagem e 500 kbs somando todas.

Dica: Aproveite as imagens para inserir links.

Já as cores, ajudam a definir o tom da mensagem e aumentam o reconhecimento da marca, assim como a tipografia agrega personalidade. No entanto, evite usar muitas fontes ou fontes muito grandes, com cores fortes ou com a mesma cor do fundo.

Atente-se para usar um tamanho que seja legível em diferentes tamanhos de tela.

Invista na criação de modelos de email responsivos, pois hoje mais de 80% dos emails são abertos em dispositivos móveis. Assim, você garante que seus emails marketing sejam lidos facilmente em smartphones e tablets, mantendo um equilíbrio entre as imagens e texto

Um tamanho de email marketing ideal é 600 pixels de largura, tamanho que se adapta melhor na maioria dos serviços de email e no celular.

IMPORTANTE: Adicione o endereço no rodapé do email, e também o link para sair da lista. Entre as pesquisas que encontramos, esses são alguns itens que são obrigatórios e que deixam o email com uma reputação melhor.

Você pode criar seu próprio template, ou usar  modelos de email marketing de graça da internet.

Entretanto, o ideal é que você tenha uma plataforma de disparo que possua templates prontos e otimizados. O Atendare, por exemplo, oferece diversos modelos de email marketing que podem ser utilizados para agilizar o envio do material.

8. Teste antes de enviar

Por fim, antes de enviar o email para a sua lista de email, teste a visualização do template em diferentes navegadores e nos servidores de email mais utilizados pelos destinatários.

Seu email pode ser exibido de várias maneiras, dependendo do navegador do destinatário, do provedor de caixa de entrada e muito mais.

Mas existem ferramentas que fornecem uma imagem completa de como seus emails podem ser processados com essas opções.

O que fazer quando enviar um email errado

Para corrigir o e-mail marketing errado, faça um novo e-mail de errata.

Exemplo: (Errata) Assunto do seu email

Seja direto, simples e simpático. Nessas horas é ainda mais importante que o seu público perceba que sua empresa é séria, profissional e se preocupa com a comunicação.

Não há necessidade de explicar excessivamente seu erro; apenas vá direto ao ponto. Você pode começar dizendo: “Hoje, enviamos o e-mail errado por engano”.

Alguns e-mails de desculpas usam o humor para amenizar o tom, mas se sua empresa não é conhecida pelo humor, evite usar.

Aqui estão algumas perguntas que você pode querer fazer a si mesmo ao revisar seus e-mails:

  • Esses e-mails serão enviados para as listas e segmentos certos?
  • Os campos personalizados em todo o e-mail refletem as informações corretas?
  • O conteúdo está atualizado? Está livre de erros ortográficos ou gramaticais?
  • As imagens são renderizadas corretamente?
  • Todos os botões e links direcionam para o URL correto?

Crie emails mais eficazes

Criar campanhas de email marketing criativas e eficazes não precisa ser uma tarefa difícil.

Se você aplicar as dicas acima, seus emails serão entregues e vão gerar cada vez mais conversões.

Forneça valor, otimize suas linhas de assunto, conteúdos, tempos de envio e tudo mais. Em seguida, teste, verifique e analise seu trabalho.

Com esses princípios em mente, envie um ótimo email e alcance os melhores resultados.

O Atendare

Com o email marketing da Atendare é muito mais fácil e rápido criar ou editar modelos de emails profissionais, com um editor “arrasta e solta” super intuitivo.

Você também pode segmentar a sua lista de endereçamento e personalizar cada email. E ainda, você pode aprimorar sua entregabilidade com nosso verificador de spam.

Com as análises, você consegue visualizar as taxas de abertura de emails e cliques. Assim você monitora e gerencia melhor sua campanha de email marketing.

Conheça o email marketing do Atendare e crie campanhas de email com segmentação avançadas e personalizadas. Acesse e conheça:

Teste grátis

Artigos relacionados