Quer aparecer na 1ª página do Google? Parte 3: Aposte em Marketing de Conteúdo

Com este artigo você irá entender a 2ª estratégia que selecionamos para ajudar você e o seu negócio a ser encontrado nas primeiras páginas de resultados do Google. Ainda irá descobrir os benefícios de utilizar o Marketing de Conteúdo para alavancar suas vendas.

Cenário Atual

Hoje, já se fala de zetabytes de dados, mas o que isso significa? E o que isso tem a ver com o impacto da tecnologia digital no consumidor? Muito, para ser mais claro, um zetabyte é um número com 21 zeros, equivalente a um trilhão de gigabytes.

100000000000000000000
 Isso é 01 zetabytes


Ou seja, isso equivale a quantidade de dados de 1 bilhão de DVDs baixados todos os dias durante um ano.

Ainda, segundo o Gartner, 2,2 milhões de terabytes de novos dados são criados todos os dias no mundo.

As projeções para 2020 dizem que serão geradas cerca de 1,7 megabytes de novas informações por segundo para cada habitante do mundo.

O crescimento exponencial de informação criada na web, bem como o consumo massivo destas informações, faz surgir desafios e oportunidades para serem aproveitados pelas organizações. E por este motivo, é importantíssimo que você faça parte desta sociedade digital, e saiba que é necessário identificar e filtrar as informações com maior relevância para o seu negócio, bem como dominar a arte do marketing digital.

Partindo disso, o intuito hoje é mostrar como você pode beneficiar o seu negócio por meio da estratégia de Marketing de Conteúdo.

O que é Marketing de Conteúdo?

É uma das estratégias que proporcionam excelentes resultados a longo prazo, se forem bem elaboradas e executadas. O propósito do Marketing de Conteúdo é: educar o público, ganhar autoridade no assunto e influenciar na decisão de compra.

Mas afinal, por que surgiu essa estratégia de Marketing de Conteúdo?

Todos nós já sabemos que após o surgimento da internet muita coisa mudou, o processo de compra já não é mais o mesmo e está em constante transformação, os consumidores estão cada vez mais exigentes e mais informados sobre o que precisam. Enfim, tudo isso foi provocado principalmente pelo fácil acesso a informação e a disponibilidade de obtê-la nos diversos meios de comunicação.

Com isso, aquela ação invasiva que muitas empresas utilizavam hoje não gera mais resultado, o consumidor não quer mais ser interrompido com propaganda inoportuna e sem relevância. Mas sim, receber informação conforme o seu interesse e no momento no qual ele deseja.

É por esse motivo que o Marketing de Conteúdo é muito eficaz, pois ele chega como se fosse pedir licença ao consumidor e assim vai nutrindo com informações de acordo com as preferências dele.

Para Kristina Halvorson - CEO e founder da Brain Traffic: “o conteúdo na web é vivo. Ele está em constante mutação e evolução, sempre moldado e reformado por curadores, criadores, revisores e usuários. Prepare o seu conteúdo de forma cuidadosa e ele terá uma vida online mais longa e feliz.” 

A ideia não é só informar, mas sim, tornar sua marca respeitada, criando autoridade no seu segmento, para que futuramente possa ser lembrada como referência, além de conquistar novos clientes.

Portanto você estar presente na Internet com informação sobre seu negócio, hoje não é mais um diferencial e sim algo básico para ser encontrado pelos consumidores.

Por que você deveria investir em Marketing de Conteúdo?

Diversos estudos afirmam que você tem cerca de 5 minutos para causar uma primeira boa impressão, pensando nos negócios, isso significa que você tem esse tempo em média para convencer o cliente de que você é a melhor opção. Portanto é fundamental que você consiga deixar claro para o potencial cliente que você é a melhor solução para satisfazer as necessidades e desejos dele.


Você provavelmente já ouviu isto antes: “O conteúdo é o rei”. Bill Gates fez essa previsão em 1996 e atualmente isso é mais verdade do que nunca. [ Link do artigo original de Bill Gates ]


Por isso, o Marketing de Conteúdo é um perfeito aliado para o seu negócio, pois você consegue disponibilizar informação de acordo com os estágios da jornada do consumidor. Segundo o especialista brasileiro na criação de estratégias de divulgação na web, Conrado Adolpho, quanto mais bem informado sobre determinado produto e/ou serviço, mais seguro o consumidor fica, mais valor ele dá ao que está sendo vendido e maior a probabilidade de se concretizar a venda.
Se você investir em materiais mais elaborados como e-books e webinars e estes forem bem elaborados você começa a aumentar a credibilidade com seu público-alvo, além de mostrar ser referência no assunto (ter expertise).

Vale ressaltar que as empresas que adotam estratégias de Marketing de Conteúdo geram aproximadamente 2,2 vezes mais visitas e 3,2 vezes mais leads comparando as empresas que não utilizam.

Em resumo os principais motivos de utilizar estratégias de marketing de conteúdo são:

  • Melhorar o relacionamento com os clientes.
  • Gerar mais audiência para o seu site, e essa audiência ser qualificada.
  • Gerar mais leads.
  • Informar e nutrir leads (contatos) e clientes com conteúdo relevante.
  • Aumentar as vendas (inclusive upsell e cross-sell).
  • Trabalhar o pós-venda (fidelizar clientes).
  • Aumentar o engajamento com a marca e a sua visibilidade.

Para o CMO e Co-founder da Rock Content, Vitor Peçanha “a venda é uma consequência para o Marketing de Conteúdo. Quando o consumidor estiver pronto para a compra, ele irá atrás de você.” Caso contrário você precisa rever suas ações.

Como começar com o Marketing de Conteúdo

Planejamento sempre é base de todo o início, e não poderíamos deixar de citar isso no momento que você optar por começar com o Marketing de Conteúdo. É praxe dizer que precisa ter um bom planejamento, mas ainda é muito falho em diversos negócios.
Para começar com a geração de conteúdo lembre-se:

  • Fazer um bom planejamento
  • Entender os conceitos de Marketing de Conteúdo
  • Conhecer a metodologia de Inbound Marketing
  • Definir quem é sua persona.
  • Identificar a jornada de compra do seu consumidor
  • Definir os conteúdos de acordo com a jornada do consumidor.
  • Conhecer a fundo o seu consumidor.
  • Falar como seu consumidor fala.
  • Definir onde será publicado e quais os formatos de conteúdos serão gerados.
  • Ter periodicidade nas publicações
  • Analisar os resultados das ações de Marketing de Conteúdo.

Por exemplo: se você tem uma consultoria empresarial, ao invés de falar somente sobre seus serviços e sobre a organização, é preciso entender como o consumidor está procurando solucionar alguma dificuldade dele, as dores que ele tem. É preciso pensar como o cliente pode chegar até a sua empresa para que assim ele consiga encontrar o que realmente está precisando. Imagine, a pessoa necessitando de uma consultoria, ao invés de colocar o nome de sua empresa, esse usuário pode estar pesquisando, como melhorar a gestão de processos de vendas e desta busca encontrar um assunto interessante dentro de seu blog que poderá mostrar a importância e esclarecer dúvidas que ele tinha e assim ele próprio tirar suas conclusões de que precisa estar contratando uma consultoria e que você é a melhor solução para lhe ajudar, já que passou credibilidade e autoridade no assunto.

Da mesma forma, uma indústria de uniformes, é importante deixar claro em seu site e nas mídias digitais o que fornece, mas só isso não basta, disponibilizar dicas de cuidados para manter a qualidade dos seus uniformes, apresentar os tipos de uniformes de acordo com cada necessidade, e assim por diante planejar conteúdo de topo, meio e fundo de funil.

Jornada de compra do consumidor

Agora que você já sabe a importância do Marketing de Conteúdo nada mais sensato nós te ajudar com algumas orientações iniciais para dar o start com essas estratégias de geração de conteúdo.

Agora que você já sabe a importância do Marketing de Conteúdo nada mais sensato nós te ajudar com algumas orientações iniciais para dar o start com essas estratégias de geração de conteúdo.

Responda a estas perguntas:

Com relação a criação:

- Qual o conteúdo será criado e por quê?
- Qual o formato a ser criado?
- Quem será o responsável por criar?

Com relação à entrega:

- Como o conteúdo vai chegar ao público?
- Quem vai editar e revisar?
- Quem vai publicar e divulgar?
- Quais os canais de comunicação serão utilizados para disponibilizar o material?
- Que estratégias serão usadas para fazer com que ele chegue até os usuários?

Com relação aos resultados:

- Qual o objetivo com este conteúdo?
- Quais as métricas a serem avaliadas para este material?

Quais os canais de comunicação para disponibilizar meu conteúdo digital?

Desenvolver estratégias de Marketing de Conteúdo com eficiência é necessário, novamente de um bom planejamento, entender que seu conteúdo pode ser compartilhado em diversos meios de comunicação, aí surge a dúvida, qual as formas mais utilizadas e mais eficientes para divulgar e compartilhar a informação que você gera?

Importante é conhecer seu público, saber onde ele está e assim entender como se relacionar em cada canal de comunicação

Você pode disponibilizar seus conteúdos em:

- Blog
- Vídeos
- Redes Sociais
- Landing Pages
- E-mail Marketing
- Newsletter
- Webinar

Os conteúdos são definidos conforme o seu objetivo podendo ser materiais mais simples ou materiais mais elaborados,  “ricos”, que podem ser nos seguintes formatos:

- Artigos
- Vídeos
- E-books/Whitepapers
- Infográfico
- Estudos de Casos

Métricas utilizadas para determinar o sucesso da estratégia de Marketing de Conteúdo

O que não é medido não pode ser melhorado - este é um jargão muito utilizado e realmente faz todo o sentido. Se você não conseguir apresentar resultados de suas ações não tem como identificar se está no caminho certo e o que precisa melhorar, enfim, mensurar é fundamental em qualquer estratégia.

O bacana do Marketing de Conteúdo é que você pode mensurar por meio de várias métricas como:

- Tráfego no Site
- Vendas
- Taxa de Conversão
- Quantidade de Leads
- Feedback de Consumidores
- Rankings em busca orgânica (SEO)
- Tempo Gasto no Site
- Qualidade dos Leads
- Crescimento de Assinaturas
- Crescimento de Contatos
- Quantidade de compartilhamentos do seu conteúdo
- Bounce Rate ou Taxa de Rejeição

Para facilitar o seu entendimento as métricas podem ser dividas em:

1. Métricas de consumo
2. Métricas de retenção
3. Métricas de compartilhamento
4. Métricas de engajamento
5. Métricas de leads
6. Métricas de vendas
7. Métricas de produção
8. Métricas de custos

Planejando sua produção de conteúdo

Para facilitar a sua criação de conteúdos, faça um brainstorming para coletar ideias a serem trabalhadas e lembre-se de:

- Desenvolver assuntos relevantes para o seu público: será que seu conteúdo corresponde com as intenções de pesquisa dos usuários?
- Conhecer seu público: segundo Simon Sinek “100% dos clientes são pessoas, se você não entende de pessoas, você não entende de negócios.” Portanto, você precisa entender com que tipo de cliente você está tratando e o que ele provavelmente está querendo, o mais breve possível. A melhor e mais rápida maneira de conseguir isso é falar a linguagem do cliente.


- Procure ter redatores que conheçam Inbound Marketing: é uma estratégia que visa atrair o interesse das pessoas e qualificá-las conforme a jornada de compra do consumidor, para obter vendas mais assertivas.
- Identificar tendências e entrar na conversa: trabalhe a abordagem de “pegar carona”, ou seja, é a forma de acompanhar o que se fala no momento e conseguir associar os seus produtos e serviços as questões atuais e notícias que estão sendo faladas.

Vale ressaltar que os resultados não são imediatos, é um trabalho gradual que precisa ser realizado e analisado, além de ter uma consistência e periodicidade na execução das ações. 

 Marketing de Conteúdo  é algo que irá dar ótimos retornos se bem executado.

Considerações

No marketing de conteúdo, a empresa não fala somente sobre si, mas preocupa-se em oferecer informações que ajudem seus consumidores a resolverem seus desafios diários. Dessa forma, desenvolve um relacionamento estável e duradouro com seu público.

Portanto conhecer, dialogar e respeitar o seu público, além de entregar conteúdo relevante de qualidade são fundamentais quando se fala em ações de sucesso na geração de conteúdo.

Para construir um relacionamento duradouro e de alto valor é preciso pensar em criar experiências marcantes e não só pensar em vender, isso será uma consequência.

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você, mas se ainda tem alguma dúvida ou deseja compartilhar uma sugestão com relação a elaboração de estratégias de Marketing de Conteúdo, deixe seu comentário.

Entre em contato conosco para que possamos sugerir e dar algumas dicas sobre como seu negócio pode obter melhores resultados com o uso do Atendare em suas ações de Marketing Digital.